???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede.bibliotecadigital.puc-campinas.edu.br:8080/jspui/handle/tede/1176
???metadata.dc.type???: Dissertação
Title: Satisfação com a vida e das necessidades psicológicas básicas em uma amostra de médicas
Other Titles: Satisfaction with life and basic psychological needs in a sample of women physicians
???metadata.dc.creator???: Vicentini, Eliana Cristina Chiminazzo 
???metadata.dc.contributor.advisor1???: Enumo, Sônia Regina Fiorim
???metadata.dc.contributor.referee1???: Zanon, Letícia Lovato Dellazzana
???metadata.dc.contributor.referee2???: Siqueira, Nathália Ferreira
???metadata.dc.description.resumo???: Pesquisas indicam que o bem-estar subjetivo (BES) traz benefícios à saúde, longevidade, cidadania, resiliência, relacionamentos sociais e ao desempenho no trabalho. Este trabalho analisou o componente cognitivo do BES, a satisfação com a vida (SV) e seu componente eudemônico, as necessidades psicológicas básicas (NPB) de autonomia, relacionamento e competência, segundo a Teoria da Autodeterminação/ Self-Determination Theory. Questiona-se aqui como a SV é influenciada pela satisfação com cada um dos domínios de vida (SDV) e pela satisfação das NPB nesses domínios. Assim, este estudo teve por objetivo analisar as relações entre a SV e sete SDV (Casa e Família, Comunidade e Voluntariado, Cuidados Pessoais, Escola ou Universidade, Espiritualidade e Religião, Lazer e Trabalho Remunerado) e a satisfação das NPB. Foi feita uma pesquisa de levantamento, com uma amostra de 205 médicas com M = 43,9 (DP = 10,1) anos de idade, a maioria casada (64,5%) e com filhos (56%). Os dados foram coletados em uma plataforma online, aplicando-se os seguintes instrumentos: a) Protocolo de Caracterização Sociodemográfica; b) Protocolo de Avaliação da Satisfação com a Vida e seus Domínios, que avalia a SV e com os DV, o tempo e a importância atribuídos a cada DV; e c) Escala de Satisfação das Necessidades Psicológicas Básicas revisada, adaptada para este estudo, com itens de avaliação da satisfação das NPB de autonomia ( = 0,95), competência ( = 0,95) e relacionamento ( = 0,92). A análise estatística descritiva mostrou uma SV alta M = 5,4 (DP = 1,3), e uma maior satisfação com o DV Casa e Família - M = 5,5 (DP = 1,9) e Trabalho Remunerado - M = 4,9 (DP = 1,4), que também são os domínios de maior importância para esta amostra. As dimensões da satisfação por domínios que explicam a satisfação geral foram Casa e Família (ρ = 0,622), Lazer (ρ = 0,595) e Trabalho Remunerado (ρ = 0,506). Em relação à SNPB, as três obtiveram escores semelhantes: a de relacionamento M = 3,8 (DP = 0,7), a de competência M = 3,7 (DP = 0,7) e a de autonomia de M = 3,7 (DP = 0,8). A correlação bivariada entre a SV e a médias gerais de SNPB de autonomia (ρ = 0,315), relacionamento (ρ = 0,286) e competência (ρ = 0,321) também foram semelhantes. Análises de correlação (ρ ≤ 0,05) mostraram que, quando as médicas conseguem utilizar o tempo que consideram adequado nos DV, a satisfação com o domínio e a SV aumentam. A análise de regressão linear múltipla, pelo critério stepwise, evidenciou que a SDV Casa e Família explica melhor a SV (ρ = 0,622). A análise de rede evidenciou uma forte correlação (ρ = 0,622) entre a SV e a satisfação no contexto familiar, e correlações com a SDV Lazer e Cuidados Pessoais. Assim, no contexto do trabalho médico, fica o desafio de promover condições para que essas mulheres consigam desempenhar vários papéis de forma efetiva, além de poderem se sentir satisfeitas em relação aos autocuidados e ao lazer. Os resultados podem ser usados como base para um maior refinamento das informações sobre a satisfação nesses DV, bem como para o aumento do BES, uma vez que, conhecendo a relevância desses domínios, pode-se subsidiar intervenções de orientação individual e favorecer aspectos ambientais, de acordo com as demandas dos sujeitos.
Abstract: Researches indicate that subjective well-being (SWB) brings benefits to health, longevity, citizenship, resilience, social relationships, and job performance. The present study analyzed two components of SWB: the hedonic component: the cognitive component – Life Satisfaction (LS) - and the eudaimonic component: basic psychological needs (BPN) of autonomy, relationship and competence - according to the Self Determination Theory. The research problem here refers to how LS is affected by satisfaction and psychological needs satisfaction in life domains. Thus, this study aimed to analyze satisfaction with seven life domains (Home and Family, Community and Volunteering, Personal Care, School or University, Spirituality and Religion, Leisure and Work) and the basic psychological needs satisfaction (BPNS) in these domains. To accomplish this proposal a survey was conducted with a sample of 205 women physicians, M = 43,9 (SD = 10,1) years old, most of whom were married (64.5%) and had children (56%). The data collection was conducted through an online platform applying the following instruments: a) Sociodemographic characterization; b) Protocol of LS and life domains satisfaction, which evaluates LS, satisfaction with life domains, time and importance assigned to each life domain; and, finally, c) Balanced Measure of Psychological Needs Scale, which was adapted for this study, with items measuring the three psychological needs: Autonomy ( = 0,95), Competence ( = 0,95) and Relationship ( = 0,92). Descriptive statistical analysis showed a high LS - M = 5,4 (SD = 1,3), and greater satisfaction with Home and Family - M = 5,5 9 (SD = 1,9) and Work - M = 4,9 (SD = 1,4), which were also the most important domains for this sample. The dimensions of domain satisfaction which best explained LS were Home and Family (ρ = 0.622), Leisure (ρ = 0.595) and Work (ρ = 0.506). Regarding the satisfaction of the psychological needs, the three of them obtained similar scores: relatedness M = 3.8 (SD = 0.7), competence M = 3.7 (SD = 0.7) and autonomy M = 3.7 (SD = 0.8). The bivariate correlation between LS and the averages of the BPN of autonomy (ρ = 0.315), relationship (ρ = 0.286) and competence (ρ = 0.321) were similar. Correlation Analyses (p ≤ 0.05) showed that when physicians are able to use the time they consider appropriate in the life domain, their LS and domain satisfaction increase. Multiple linear regression analysis by the criterion stepwise demonstrated that Home and Family is the life domain which best explains LS (ρ = 0,622). Network analysis demonstrated a strong correlation (ρ = 0,622) between life satisfaction and Home and Family; also, correlations between LS and Leisure and Personal Care. Thus, a challenge is to promote environmental conditions in the medical reality so that these women can play various roles effectively, and they can feel satisfied with their personal care and leisure. The results can be used as a basis for further refinement of information on satisfaction in these domains, as well as the increase of SWB, since, knowing the relevance of these domains, one can subsidize interventions such as individual orientation and enhancement of environmental aspects, according to the demands of the subjects. Keywords: Personal Satisfaction; Life Satisfaction; Basic Psychological Needs; Work-Life Balance; Physicians, Women.
Keywords: Satisfação Pessoal; Satisfação com a Vida; Necessidades Psicológicas Básicas; Equilíbrio Trabalho-Vida; Médicas.
Personal Satisfaction; Life Satisfaction; Basic Psychological Needs; Work-Life Balance; Physicians, Women.
???metadata.dc.subject.cnpq???: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::PSICOLOGIA::TRATAMENTO E PREVENCAO PSICOLOGICA
Language: por
???metadata.dc.publisher.country???: Brasil
Publisher: Pontifícia Universidade Católica de Campinas
???metadata.dc.publisher.initials???: PUC-Campinas
???metadata.dc.publisher.department???: CCV – Centro de Ciências da Vida
???metadata.dc.publisher.program???: Programa de Pós-Graduação em Psicologia
Citation: Vicentini, Eliana Cristina Chiminazzo. Satisfação com a vida e das necessidades psicológicas básicas em uma amostra de médicas. 2018. 107p. Dissertação( Programa de Pós-Graduação em Psicologia) - Pontifícia Universidade Católica de Campinas, Campinas-SP.
???metadata.dc.rights???: Acesso Aberto
URI: http://tede.bibliotecadigital.puc-campinas.edu.br:8080/jspui/handle/tede/1176
Issue Date: 13-Dec-2018
Appears in Collections:Programa de Pós-Graduação em Psicologia - Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
ELIANA CRISTINA CHIMINAZZO VICENTINI.pdf4.07 MBAdobe PDFDownload/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.