???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede.bibliotecadigital.puc-campinas.edu.br:8080/jspui/handle/tede/1297
???metadata.dc.type???: Dissertação
Title: Proposta de Indicadores que Possibilitem a Certificação de Edifícios Inteligentes e Sustentáveis
Other Titles: Indicators Proposal that Enable certification for smart and Green buildings
???metadata.dc.creator???: Casagrande, Bruno 
???metadata.dc.contributor.advisor1???: Carvalho, Marcius Fabius Henriques de
First advisor-co: Jacintho, Ana Elisabete Paganelli Guimarães de Avila
???metadata.dc.contributor.referee1???: Pimentel, Lia Lorena
???metadata.dc.contributor.referee2???: Martins, Manuel Carlos Reis
???metadata.dc.description.resumo???: Entre as décadas de 1960 e 1970 ambientalistas esboçavam os primeiros comentários sobre os inúmeros impactos ambientais associados à construção civil, a indústria mais poluente e responsável pelo consumo de até 75% da matéria-prima produzida no planeta. É neste período também que houve a evolução dos sistemas informatizados e desenvolvimento dos primeiros sistemas de automação de equipamentos prediais, dando origem aos primeiros edifícios inteligentes, que, apesar de contribuírem com os aspectos econômicos e ambientais, nem sempre são sustentáveis. Por outro lado, os edifícios sustentáveis nem sempre podem ser classificados como inteligentes. Embora o termo “edifícios inteligentes” tenha surgido primeiro, os “edifícios sustentáveis” são mais conhecidos e difundidos, o que se deve, em parte, às certificações de sustentabilidade para a construção civil, que nasceram há cerca de duas décadas. Este trabalho tem como objetivo estudar e analisar os requisitos da Certificação AQUA-HQE™ de Alta Qualidade Ambiental de Edifícios em Construção (FUNDAÇÃO VANZOLINI), para edifícios sustentáveis, identificando convergências e pontos de adequação com a etiquetagem Label R2S – Ready 2 Services – Delivré par Certivéa (CERTIVÉA, 2019), para edifícios Inteligentes. Os resultados apurados evidenciam a pouca integração e sinergia entre as certificações. Por fim, o trabalho apresenta uma proposta de contribuição para a elaboração de uma nova certificação integrada para edifícios inteligentes e sustentáveis
Abstract: Environmentalists sketched the first comments about the numerous environmental impacts associated with the civil construction between the 1960s and 1970s. This is the most polluting industry and responsible for the consumption up to 75% of the raw material produced on the planet. Also, during this period the evolution of the computerized systems took place along with the development of the first automation systems for buildings equipment, giving rise to the introduction of concept of the smart buildings, which, although contributing with the economic and environmental aspects, are not always sustainable. On the other hand, a sustainable building can´t always be directly classified also as a smart building. Although the term "smart buildings" appeared first, the "sustainable buildings" are better known and widespread, partly due to sustainability certifications for civil construction that were born about two decades ago. This work aims to study and analyze the requirements of the AQUA-HQE™ Certification of High Environmental Quality for Buildings under Construction (FUNDAÇÃO VANZOLINI), for sustainable buildings, identifying convergences and points of adequacy with the Label R2S - Ready 2 Services - Delivré par Certivéa (CERTIVÉA, 2019), for smart buildings. The results show the poor integration and synergy between the certifications, so this work has a proposal to contribute to the elaboration of a new integrated certification for smart and sustainable buildings.
Keywords: Edifício inteligente; Edifício sustentável; Certificação de edifício sustentável; Certificação de edifício inteligente; Sustentabilidade na construção civil; Edifícios inteligentes e sustentáveis
Smart building; Sustainable building; Sustainable building certification; Smart building certification; Sustainable building; Smart and sustainable buildings
???metadata.dc.subject.cnpq???: CNPQ::ENGENHARIAS
Language: por
???metadata.dc.publisher.country???: Brasil
Publisher: Pontifícia Universidade Católica de Campinas
???metadata.dc.publisher.initials???: PUC-Campinas
???metadata.dc.publisher.department???: CEATEC – Centro de Ciências Exatas, Ambientais e de Tecnologias
???metadata.dc.publisher.program???: Programa de Pós-Graduação em Sistemas de Infraestrutura Urbana
Citation: Casagrande, Bruno. Proposta de Indicadores que Possibilitem a Certificação de Edifícios Inteligentes e Sustentáveis. 2019. 214f. Dissertação( Programa de Pós-Graduação em Sistemas de Infraestrutura Urbana) - Pontifícia Universidade Católica de Campinas, Campinas-SP.
???metadata.dc.rights???: Acesso Aberto
URI: http://tede.bibliotecadigital.puc-campinas.edu.br:8080/jspui/handle/tede/1297
Issue Date: 10-Dec-2019
Appears in Collections:Programa de Pós-Graduação em Sistemas de Infraestrutura Urbana - Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
BRUNO CASAGRANDE.pdf2.26 MBAdobe PDFDownload/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.