???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede.bibliotecadigital.puc-campinas.edu.br:8080/jspui/handle/tede/1457
???metadata.dc.type???: Dissertação
Title: A pós-modernidade como Idade do Espírito: a realização do cristianismo não religioso de Gianni Vattimo
Other Titles: The postmodernity as Spirit’s Age: the realization of Vattimo’s non-religious christianity
???metadata.dc.creator???: Souto, Felipe de Queiroz 
???metadata.dc.contributor.advisor1???: Zuben, Newton Aquiles von
???metadata.dc.contributor.referee1???: Ferreira, Vicente de Paula
???metadata.dc.contributor.referee2???: Gonçalves, Paulo Sérgio Lopes
???metadata.dc.description.resumo???: Idade do Espírito é um conceito do monge medieval Joaquim de Fiore com o qual ele compreendia a etapa histórica após a Idade do Filho, que sucede a Idade do Pai. Assim, em uma teologia trinitária da história, Fiore formulou a ideia de épocas históricas que se constituem conforme a revelação e a realização da mensagem judaico-cristã. É de Joaquim de Fiore que o filósofo italiano Gianni Vattimo toma o conceito de Idade do Espírito, porém ele o utiliza para categorizar a pós-modernidade como o período profetizado pelo monge medieval. Vattimo entende a pós-modernidade como uma etapa da história posterior à modernidade, mas que ainda mantém com ela uma relação de convalescença, de modo que a pós-modernidade emerge da própria constituição do mundo moderno e de sua crise. A tarefa primeira da dissertação é identificar como se dá no pensamento de Vattimo a relação entre a pós-modernidade e a Idade do Espírito, conceito que está no cenário do desenvolvimento teórico desta pesquisa. Essa junção é possibilitada por Vattimo quando ele toma a hermenêutica como pressuposto metodológico de sua filosofia da religião. A hermenêutica é a koiné da pós-modernidade que nasce com as filosofias antimetafísicas de Nietzsche e Heidegger e que é associada ao cristianismo pelo filósofo italiano. Nessa perspectiva, os autores alemães são cristãos à medida que levam a cabo a mesma tarefa da mensagem judaico-cristã, a saber, a destruição da metafísica. Esse é o campo da pós- modernidade ou, ainda, da Idade do Espírito que tem na sua proposta a urgência de pôr fim ao pensamento metafísico pela hermenêutica ou, em Vattimo, por meio do pensiero debole. Com a hermenêutica pós-moderna, o filósofo traz em suas reflexões acerca da filosofia da religião questões importantes para pensarmos o enfraquecimento da ontoteologia como, por exemplo, na interpretação bíblica, a validade dos dogmas e o pressuposto da verdade como adaequatio. O desenvolvimento dessa problemática levou Vattimo a abordar outro aspecto para fundar sua experiência de mundo e, sobretudo, da religião. Em seus escritos de filosofia da religião, ele elege a caritas como a práxis do evangelho e a única a não possuir fundamento metafísico na Sagrada Escritura. O conceito de caridade é norteador de toda a reflexão de Vattimo a respeito da pós-modernidade, já que ela pressupõe a hermenêutica e o diálogo como aspectos necessários para a formação da interpretação da realidade que jamais pode ser tomada por si mesma. Daqui se desenvolvem as implicações práticas que o pensamento de Vattimo favorece e que podem ser vistas na sua compreensão sobre a violência, o futuro do cristianismo e a política mundial. Como método de pesquisa, utilizamo-nos da hermenêutica filosófica para adentrarmos às obras do autor e elegemos o conceito de Idade do Espírito como chave de entrada no pensamento de Vattimo.
Abstract: Spirit’s Age is a concept of the medieval monk Joachim of Fiore with which he understood the historical stage after the Son’s Age, which succeeds the Father’s Age. So, in Trinitarian theology of history, Fiore formulated the idea of historical epochs that constitute by the relationship and realization of the judeo-christian message. Gianni Vattimo take the concept Spirit’s Age of Joachim of Fiore. Yet he uses it for to categorize the postmodernity as the epoch prophesied by medieval monk. Vattimo understand the postmodernity as a time of history after modernity, but it keeps with the modernity a convalescent relationship, so that postmodernity emerges from the modern world and its crisis. The first task of dissertation is to identify how is in Vattimo’s thinking the relationship between postmodernity and Spirit’s Age. This concept is at background of the development of this research. This joint is made possible by Vattimo because he takes the hermeneutic as methodological assumption of his philosophy of religion. The hermeneutic is the koiné of post-modernity that is born with antimetaphysical philosophies of Nietzsche and Heidegger. These authors are associated with Christianity by Vattimo. In this perspective, the German philosophers are Christians because they carry out the same task of Judeo-Christian message, i. e., the destruction of metaphysics. This is the field of postmodernity or Spirit’s Age that has its purpose the urgency to put an end in metaphysical thinking through hermeneutics or, by Vattimo, through pensiero debole. With the postmodernity hermeneutics, the philosopher brings in his reflections on philosophy of religion important questions for us to think of the weakening of onto-theology as, for example, in the biblical interpretation, validity of dogmas and truth as adaequatio. The development of this problem led Vattimo to approach another aspect to form his world experience and his religion experience. In his writings of philosophy of religion, he appoints the caritas as the praxis of gospel and the only one without a metaphysical foundation in the Sacred Scripture. The concept of charity guides all reflection of Vattimo about the postmodernity since it presupposes hermeneutic and dialogue as necessary aspects for the interpretation of reality that can never be understood by itself. Hence, it develops the practical implications that Vattimo’s thought favors and that can be seen in his understanding about the violence, the future of Christianity and the world politics. We used the hermeneutic philosophy as a research methodology to access the works of the author and we appoint the concept of Spirit’s Age as input key in Vattimo’s thinking.
Keywords: Idade do Espírito; Pós-modernidade; Hermenêutica; Cristianismo não religioso; Caritas
Spirit’s Age; Postmodernity; Hermeneutics; Christianity non-religious; Caritas
???metadata.dc.subject.cnpq???: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::TEOLOGIA
Language: por
???metadata.dc.publisher.country???: Brasil
Publisher: Pontifícia Universidade Católica de Campinas
???metadata.dc.publisher.initials???: PUC-Campinas
???metadata.dc.publisher.department???: CCHSA – Centro de Ciências Humanas e Sociais Aplicadas
???metadata.dc.publisher.program???: Programa de Pós-Graduação em Ciências da Religião
Citation: Souto, Felipe de Queiroz. A pós-modernidade como Idade do Espírito: a realização do cristianismo não religioso de Gianni Vattimo. 2021. 115f. Dissertação( Programa de Pós-Graduação em Ciências da Religião) - Pontifícia Universidade Católica de Campinas, Campinas-SP.
???metadata.dc.rights???: Acesso Aberto
URI: http://tede.bibliotecadigital.puc-campinas.edu.br:8080/jspui/handle/tede/1457
Issue Date: 2-Feb-2021
Appears in Collections:Programa de Pós-Graduação em Ciências da Religião - Mestrado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
FELIPE DE QUEIROZ SOUTO.pdf961.88 kBAdobe PDFDownload/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.