???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede.bibliotecadigital.puc-campinas.edu.br:8080/jspui/handle/tede/151
???metadata.dc.type???: Dissertação
Title: Temperamento e sua relação com estilos de pensar e criar
Other Titles: Temperament and its relationship with thinking creative styles
???metadata.dc.creator???: Homsi, Silvia Helena Vertoni 
???metadata.dc.contributor.advisor1???: Wechsler, Solange Muglia
???metadata.dc.contributor.referee1???: Guzzo, Raquel Souza Lobo
???metadata.dc.contributor.referee2???: Zacharias, José Jorge de Morais
???metadata.dc.description.resumo???: Este trabalho tem como objetivo investigar se existe relação entre temperamento e os estilos de pensar e criar em estudantes universitários. As amostras foram compostas de 126 estudantes das áreas das ciências Biológicas, Humanas e Exatas de duas universidades particulares do interior do estado de São Paulo, de ambos os sexos, na faixa etária entre 17 a 44 anos (Mo= 21 a 25 anos). Para tanto, foram utilizados dois instrumentos: o Questionário de Avaliação Tipológica QUATI (Zacharias, 2003) e o Questionário sobre Estilos de Pensar e Criar (Wechsler, 1999, 2005), que foram aplicados coletivamente. Os resultados foram analisados pela Correlação de Pearson e Análises Multivariada e Univariada de Variância. Também foi feita uma análise qualitativa das funções e atitudes do QUATI. Os resultados indicaram que não existem relações significativas entre temperamento e estilos de pensar e criar. Diferenças significativas foram observadas por área e por sexo nos fatores do QUATI, sendo a área Biológica a que apresentou valores significativamente maiores para a atitude Extroversão, e as funções Pensamento e Sentimento sofreram influências para idade x área. Também para estilos de pensar e criar a área Biológicas apresentou médias significativamente maiores para os fatores Pensamento Divergente e Ousadia Inovadora e, no que se refere à variável sexo, o masculino apresentou maior índice no fator Síntese Humorística. Conclui-se que as pessoas de diferentes estilos podem expressar sua criatividade independentemente de seu temperamento.
Abstract: This research aims at investigating if there are relationships between temperament and thinking creative styles in university students. The samples were composed by 126 students from two private universities of São Paulo state, attending courses from the areas of Biology, Hard and Human Sciences, from both sexes, aged from 17 to 44 (Mo=21 to 25) years old. Two measures were used: the Questionnaire of Typological Assessment QUATI (Zacharias, 2003) and Thinking and Creative Styles Scale (Wechsler, 1999, 2005), which were administered in a collective form. Pearson s Correlation and Multivariate and Unvaried Analysis of Variance were used to analyze the results. A qualitative analysis on function and attitudes of QUATI was also carried out. The results showed that there are not significant relationships between temperament and thinking and creative styles. Significant differences were observed in QUATI factors related to gender and scientific areas. Biology presented considerable higher values on Extroversion attitude, and Thinking and Feeling functions were influenced by age and area. In Thinking and Creative Styles, Biology students presented higher means on Divergent Thinking and Boldness. In relation to the gender variable, men had superior means on Humor-Synthesis scale. We conclude that people with different styles may express their creativity independently their temperament.
Keywords: temperamento
criatividade
tipos
estilos
avaliação
universitários
temperament
creativity
types
styles
assessment
university students
???metadata.dc.subject.cnpq???: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::PSICOLOGIA
Language: por
???metadata.dc.publisher.country???: BR
Publisher: Pontifícia Universidade Católica de Campinas
???metadata.dc.publisher.initials???: PUC-Campinas
???metadata.dc.publisher.department???: CCV – Centro de Ciências da Vida
???metadata.dc.publisher.program???: Programa de Pós-Graduação em Psicologia
Citation: HOMSI, Silvia Helena Vertoni. Temperamento e sua relação com estilos de pensar e criar. 2006. 144 p. Dissertação (Mestrado em Psicologia) - Pontifícia Universidade Católica de Campinas, Campinas, 2006.
???metadata.dc.rights???: Acesso Aberto
URI: http://tede.bibliotecadigital.puc-campinas.edu.br:8080/jspui/handle/tede/151
Issue Date: 14-Feb-2006
Appears in Collections:Programa de Pós-Graduação em Psicologia - Mestrado

Files in This Item:
File SizeFormat 
Silvia Homsi 1.pdf3.28 MBAdobe PDFDownload/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.