???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede.bibliotecadigital.puc-campinas.edu.br:8080/jspui/handle/tede/215
???metadata.dc.type???: Dissertação
Title: Produção científica sobre depressão: análise de resumos (2004-2007)
Other Titles: Scientific production about depression: analysis of summaries (2004-2007)
???metadata.dc.creator???: Aros, Marcelo Salomão 
???metadata.dc.contributor.advisor1???: Yoshida, Elisa Medici Pizao
???metadata.dc.contributor.referee1???: Santeiro, Tales Vilela
???metadata.dc.contributor.referee2???: Terzis, Antonios
???metadata.dc.description.resumo???: A pesquisa teve como objetivo avaliar a produção científica sobre depressão no período de 2004 a 2007, com especial ênfase sobre a depressão masculina e os instrumentos utilizados para avaliá-la. Utilizando os verbetes, depressão e escalas, foram acessados os artigos indexados na base de dados Medline. Foram identificados aproximadamente 6400 resumos. Neles, foram identificados 66 instrumentos de avaliação de depressão. Para o estudo das demais variáveis, decidiu-se limitar as análises à produção relativa ao ano de 2007, devido às limitações de tempo. Dentre os 988 resumos do ano de 2007, 656 foram considerados adequados aos objetivos da investigação e foram listados pela sua ordem cronológica. Foram analisadas as seguintes variáveis: gênero da amostra estudada, país, faixa etária, idioma, tipo de instrumento utilizado para a avaliação da depressão e a natureza dos instrumentos. Os resultados mostram que o instrumento mais utilizado é a Hamilton Depression Rating Scale (HDRS). As amostras das pesquisas são prioritariamente compostas por participantes de ambos os gêneros. Os adultos foram a faixa etária mais estudada. Os Estados Unidos da América são a nação que mais artigos publicou sobre o tema. O inglês é o idioma mais utilizado. A natureza dos instrumentos para mensurar a depressão foi prioritariamente de tipo self report. Dentre os artigos, 1,2% eram de autores brasileiros e conservavam o mesmo perfil da produção mundial. Apenas 3,7% dos artigos estudaram a depressão no gênero masculino. Nenhum instrumento foi identificado para mensurar exclusivamente a depressão no gênero masculino. Foram identificados oito temas de interesse para se estudar a depressão no gênero masculino e todos eles se referiam a situações de alto estresse: biológico, social e ocupacional. Verificou-se uma considerável lacuna no estudo da depressão em indivíduos masculinos com o perfil mais freqüentemente encontrado em ambulatórios que assistem à comunidade. Conclui-se que devem ser desenvolvidos novos instrumentos para a avaliação da depressão, em que características concernentes ao gênero sejam valorizadas, pois as demandas e dinâmicas psíquicas são particulares e diferenciadas para homens e mulheres.
Abstract: This study was aimed at evaluating scientific production about depression from 2004 to 2007 with a special focus on male depression and the tools used to assess this condition. By using the entries depression and scales, papers indexed within the Medline database were accessed. Approximately 6,400 abstracts were identified. Among these, 66 depression evaluation instruments were identified. For the study of the remaining variables, a decision was made to restrict the analyses to the production of 2007 due to the limited length of time for research. Among the 988 abstracts of 2007, 656 were regarded as appropriate for the aims of research and were then listed in chronological order. The following variables were analyzed: gender of the sample, country, age, language, type of instrument used for depression evaluation. Results point the Hamilton Depression Rating Scale (HDRS) as the most usual tool. The samples of research are mainly comprised by participants of both genders. Adulthood was the most usual age under study. The United States of America is the nation where most papers were published on the topic within that period of time. English is the most usual language of such publications. The nature of the instruments was mainly of self report type. Among the papers, 1.2% belonged to Brazilian authors and displayed the same profile presented by the global production. Only 3.7% of the papers were devoted to male depression. No tool was identified to measure male gender depression exclusively. Eight issues of interest were identified to study depression in male individuals and all of them referred to high stress situations: biological, social, and occupational. A considerable gap was perceived in the study of depression in male individuals with the most frequent profile found in hospital out-patient departments which assist the community. As a matter of conclusion, it was found that new instruments must be developed to evaluate depression, bringing features concerned with gender into focus, as the psychic demands and dynamics are particular and differentiated either for men or women.
Keywords: escalas
escalas clínicas, humor
psicologia
psiquiatria
exame de neuroimagem
neurociências
scales
rating scales
humor
psychology
psychiatry
genetics
neuroimage
neuroscience
???metadata.dc.subject.cnpq???: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::PSICOLOGIA
Language: por
???metadata.dc.publisher.country???: BR
Publisher: Pontifícia Universidade Católica de Campinas
???metadata.dc.publisher.initials???: PUC-Campinas
???metadata.dc.publisher.department???: CCV – Centro de Ciências da Vida
???metadata.dc.publisher.program???: Programa de Pós-Graduação em Psicologia
Citation: AROS, Marcelo Salomão. SProdução científica sobre depressão: análise de resumos (2004-2007). 2008. 81 p. Dissertação (Mestrado em Psicologia) - Pontifícia Universidade Católica de Campinas, Campinas, 2008.
???metadata.dc.rights???: Acesso Aberto
URI: http://tede.bibliotecadigital.puc-campinas.edu.br:8080/jspui/handle/tede/215
Issue Date: 17-Feb-2008
Appears in Collections:Programa de Pós-Graduação em Psicologia - Mestrado

Files in This Item:
File SizeFormat 
Marcelo Salomao Aros.pdf294.41 kBAdobe PDFDownload/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.