???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede.bibliotecadigital.puc-campinas.edu.br:8080/jspui/handle/tede/390
???metadata.dc.type???: Tese
Title: Construção e validação de um instrumento de clima para criatividade nas organizações empresariais
Other Titles: Construction and validation of an instrument climate for creativity in business organizations
???metadata.dc.creator???: Crespo, Mari Lucia Figueiredo 
???metadata.dc.contributor.advisor1???: Wechsler, Solange Muglia
???metadata.dc.contributor.referee1???: Lipp, Marilda Emmanuel Novaes
???metadata.dc.contributor.referee2???: Tonelotto, Josiane Maria de Freitas
???metadata.dc.contributor.referee3???: Soligo, Ângela Fátima
???metadata.dc.contributor.referee4???: Moreira, Sebastião Rogério Gois
???metadata.dc.description.resumo???: O presente estudo teve como objetivo principal construir e validar uma Escala de Clima para Criatividade em Organizações Empresariais (QCC), bem como investigar a precisão da escala e comparar a percepção do clima criativo entre homens e mulheres. A referida escala foi construída inicialmente a partir do contato com seis juízes iniciais que definiram os indicadores de clima para a criatividade. Desse contato inicial foram definidos 140 itens e 14 variáveis, que foram apresentados para outros quatro juízes que verificaram a adequação dos itens aos fatores. Nesse segundo momento, 46 itens e uma variável foram excluídos ficando a escala com 94 itens e 13 variáveis apresentadas a seguir: Desafio e Motivação; Processo de Comunicação; Tolerância às Diferenças; Salários e Benefícios; Suporte à Inovação; Correr Risco; Confiança e Abertura; Ausência de Conflito; Ludismo e Humor; Tempo para Idéias; Discussões e Debates; Liberdade para Criar e Alegria e Dinamismo. Esta versão foi aplicada a uma amostra de 940 participantes sendo 500 do sexo masculino e 440 do sexo feminino com idades, compreendendo entre 18 a 64 anos (ambos os sexos). Quanto ao nível de escolaridade foi de segundo grau completo a pós-graduação. Todos os participantes pertenciam aos departamentos administrativos, financeiros e de produção de empresas privadas situadas no interior do Estado de São Paulo. A escala final ficou composta de 60 itens e sete fatores denominados: Dinamismo e Motivação; Humor e Cooperação; Liberdade para Criar; Ausência de Conflitos; Suporte à Inovação, Correr Risco; Tolerância e Comunicação. A escala mostrou-se psicometricamente válida e precisa nos 60 itens. Por meio da análise dos índices de consistência interna, observou-se que cinco fatores podem ser considerados fortes, dois promissores e um fraco. Quanto à percepção do clima para criatividade entre homens e mulheres, confirmaram-se as seguintes avaliações: os resultados apontaram para uma alta significância no fator Liberdade para criar predominantemente no sexo masculino e significante no fator Abertura e correr risco também no sexo masculino e por último pouco significante no fator Suporte a inovação e Dinamismo e motivação, mais uma vez favorável para o sexo masculino. Os resultados obtidos apontam para os diferentes aspectos do ambiente de trabalho que têm influência no desenvolvimento da criatividade e sugerem várias direções para futuras pesquisas.
Abstract: This study mainly aimed at constructing and validating a Scale of Climate for Creativity in Business Organizations (QCC) as well as at investigating the precision of the scale and comparing the perception of creative climate in men and women. The scale was initially built up by the contact with six judges who defined the indicators, i. e., 140 items and 14 variables. Those indicators were presented to another four judges verified how adequate items for the factors. At this second analyses 46 items and one variable were crossed out, keeping on, therefore, 94 items and 13 variables as following Challenge and Motivation, Process of Communication, Tolerance to Differences, Wages and Benefits, Support to Innovation, Risk Taking, Confidence and Opening, Absence of Conflicts, Ludism and Humor, Time for Ideas, Discussions and Debates, Liberty to Create, and Happiness and Dynamism. Then this version was applied to a sample of 940 High School Graduates to Postgraduates - 500 men and 440 women - from 18 to 64 years old. All of them were working for the Administrative, Financial and Production Departments of private companies in the countryside of the state of São Paulo. At the end, there were 60 items and 7 factors in the final scale named as Dynamism and Motivation, Humor and Cooperation, Liberty to Create, Absence of Conflicts, Support to Innovation, Risk Taking, Tolerance and Communication. The scale showed up psychometrically valid and precise in the 60 items. By means of the analysis of the indexes of inner consistency, five factors may be considered as strong, two as promising and one as weak. In relation to the perception of the climate for the creativity among men and women, it was certified that mainly men present a higher significance in the factors such as Liberty to create as well as Opening and risk taking. Finally men also provide little significance to the factors as Support to innovation and Dynamism and motivation. The results point to the different aspects of the working environment which has influence on developing creativity and suggest various directions to future researches.
Keywords: clima organizacional
criatividade
avaliação
empresas
organizational climate
creativity
evaluation
companies
???metadata.dc.subject.cnpq???: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::PSICOLOGIA
Language: por
???metadata.dc.publisher.country???: BR
Publisher: Pontifícia Universidade Católica de Campinas
???metadata.dc.publisher.initials???: PUC-Campinas
???metadata.dc.publisher.department???: CCV – Centro de Ciências da Vida
???metadata.dc.publisher.program???: Programa de Pós-Graduação em Psicologia
Citation: CRESPO, Mari Lucia Figueiredo. Construção e validação de um instrumento de clima para criatividade nas organizações empresariais. 2005. 153 f. Tese (Doutorado em Psicologia) - Pontifícia Universidade Católica de Campinas, Campinas, 2005.
???metadata.dc.rights???: Acesso Aberto
URI: http://tede.bibliotecadigital.puc-campinas.edu.br:8080/jspui/handle/tede/390
Issue Date: 21-Jun-2005
Appears in Collections:Programa de Pós-Graduação em Psicologia - Doutorado

Files in This Item:
File SizeFormat 
Mari Lucia Figueiredo Crespo.pdf554.49 kBAdobe PDFDownload/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.