???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede.bibliotecadigital.puc-campinas.edu.br:8080/jspui/handle/tede/456
???metadata.dc.type???: Tese
Title: Formação em Psicologia Escolar: perspectiva crítica na ênfase para o campo educativo
Other Titles: Training in School Psychology: critical perspective on the emphasis on the educational field
???metadata.dc.creator???: Tizzei, Raquel Pondian 
???metadata.dc.contributor.advisor1???: Guzzo, Raquel Souza Lobo
???metadata.dc.contributor.referee1???: Veiga, Feliciano Henriques
???metadata.dc.contributor.referee2???: Marinho-Araujo, Claisy Maria
???metadata.dc.contributor.referee3???: Rocha, Maria Silvia Pinto de Moura Librandi da
???metadata.dc.contributor.referee4???: Souza, Vera Lúcia Trevisan de
???metadata.dc.description.resumo???: Este trabalho procurou fazer uma reflexão sobre a formação do psicólogo partindo da realidade brasileira e, mais especificamente, sobre as Ênfases Curriculares e o perfil dos cursos de Psicologia na Região Metropolitana de Campinas. Partiu-se de um questionamento acerca da qualidade da formação do psicólogo num contexto capitalista que, como tal, tem transformado a educação numa mercadoria a ser consumida por muitas pessoas. Inicialmente, foi feita uma explanação sobre as políticas educacionais que regem a educação superior num contexto capitalista, que transforma a educação num bem a ser consumido. Posteriormente, apontamos marcos significativos sobre a formação do psicólogo e a Psicologia Escolar enfocando, principalmente, nas transformações que envolveram as políticas referentes às estruturações curriculares, como o Currículo Mínimo de as Diretrizes Curriculares Nacionais. Este trabalho se fundamenta ainda em pressupostos da Psicologia Crítica e do Marxismo como forma de análise da realidade social e, portanto, também da formação. Consideramos este estudo importante, pois vem sendo crescente o número de Instituições de Ensino Superior privadas em detrimento das públicas que formam psicólogos no Brasil. Na Região Metropolitana de Campinas, existem 7 delas, sendo todas privadas, e esse fato vem impactando consideravelmente a demanda de estudantes ingressantes bem como de profissionais formados. Dessa forma, este trabalho teve por objetivo compreender e analisar a formação de psicólogos escolares a partir das mudanças curriculares apresentadas nos Projetos Pedagógicos de Curso. Utilizamos como fundamento para o método de pesquisa o Materialismo Histórico e Dialético por compreender que a bu ca pela compreensão da essência deste fenômeno é determinada por questões históricas da realidade brasileira. A dialética é o movimento que permite ao pesquisador um olhar a partir das contradições dessa realidade e que, portanto, é um outro olhar para a pesquisa em Psicologia. Fundamentamos também este trabalho na Pesquisa Qualitativa apresentada pela Psicologia Crítica que não desconsidera a análise quantitativa da formação, mas a envolve nesse processo de conhecimento. Para isso, foram consideradas 4 instituições da Região Metropolitana de Campinas que permitiram o acesso à leitura dos Projetos Pedagógicos de Curso e a entrevista com os coordenadores responsáveis por eles. Nossa análise apontou a predominância de pelo menos uma das ênfases do curso na área da saúde em todas as instituições e apenas uma delas na educação. Identificamos também que a escolha das ênfases se dá pela maior possibilidade de inserção profissional do estudante de psicologia recém formado e que, ao mesmo tempo, a maior inserção neste campo ou área de atuação demanda maior ingresso dos estudantes no curso de Psicologia dessas instituições.
Abstract: This study attempted to reflect on the training of psychologists based on the Brazilian reality and, more specifically, on the Curriculum Emphases and profile of psychology courses in the Metropolitan Region of Campinas. Starting from an inquiry into the quality of training of the psychologist in a capitalist context, as such, has transformed education into a commodity to be consumed by many people. Initially, an explanation was made on educational policies governing higher education in a capitalist context that transforms education into a commodity to be consumed. Later on, we point out significant landmarks on the training of psychologists and school psychology focusing primarily on transformations involving policies related to curriculum structuring, as the Curriculum Minimum of the National Curriculum Guidelines. This work also is based on assumptions of Critical Psychology and Marxism as a way to analyze the social reality and therefore also training. We consider this important study because it has been increasing the number of private higher education institutions to the detriment of the public forming psychologists in Brazil. In the Metropolitan Region of Campinas, there are 7 of them, all being private, and this fact has considerably impacting the demand of incoming students as well as graduates. Thus, this study aimed to understand and analyze the training of school psychologists from the curricular changes presented in Pedagogical Projects Course. Used as the basis for the research method the Historical and Dialectical Materialism to realize that the quest for understanding the essence of this phenomenon is determined by historical issues of Brazilian reality. Dialectics is the movement that allows the researcher a view from the contradictions of this reality and, therefore, is another look at the research in Psychology. Also we base this work on Qualitative Research presented by Critical Psychology that does not disregard the quantitative analysis of the formation, but this involves a process of knowledge. To this, 4 were considered institutions of Campinas Metropolitan Region which allowed access to the reading of the Pedagogical Projects Course and the interview with the coordinators responsible for them. Our analysis showed the predominance of at least one of the emphases of the course in health institutions in all and only one of them in education. We also identified that the choice of emphasis is given by the greatest possibility of student employability of newly formed psychology and at the same time, greater integration in this field or area of expertise demands higher inflow of students in psychology course these institutions.
Keywords: formação em psicologia
psicologia escolar e educacional
currículo
diretrizes curriculares nacionais
projeto pedagógico de curso
Ênfases Curriculares, perfil do psicólogo, psicologia crítica
training in psychology
school and educational psychology
curriculum
national curriculum guidelines
pedagogical project course
curriculum emphases
profile psychologist
critical psychology
???metadata.dc.subject.cnpq???: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::PSICOLOGIA
Language: por
???metadata.dc.publisher.country???: BR
Publisher: Pontifícia Universidade Católica de Campinas
???metadata.dc.publisher.initials???: PUC-Campinas
???metadata.dc.publisher.department???: CCV – Centro de Ciências da Vida
???metadata.dc.publisher.program???: Programa de Pós-Graduação em Psicologia
Citation: TIZZEI, Raquel Pondian. Formação em Psicologia Escolar: perspectiva crítica na ênfase para o campo educativo. 2014. 232 f. Tese (Doutorado em Psicologia) - Pontifícia Universidade Católica de Campinas, Campinas, 2014.
???metadata.dc.rights???: Acesso Aberto
URI: http://tede.bibliotecadigital.puc-campinas.edu.br:8080/jspui/handle/tede/456
Issue Date: 10-Feb-2014
Appears in Collections:Programa de Pós-Graduação em Psicologia - Doutorado

Files in This Item:
File SizeFormat 
Raquel Pondian Tizzei.pdf1.22 MBAdobe PDFDownload/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.