???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede.bibliotecadigital.puc-campinas.edu.br:8080/jspui/handle/tede/460
???metadata.dc.type???: Tese
Title: Supervisão de estágio em psicologia escolar: contribuições da Psicologia Crítica à formação e à prática do supervisor
Other Titles: Supervised internship in school psychology: contributions of critical psychology to the formation and practice of the supervisor
???metadata.dc.creator???: Silva Neto, Walter Mariano de Faria 
???metadata.dc.contributor.advisor1???: Guzzo, Raquel Souza Lobo
???metadata.dc.contributor.referee1???: Veiga, Feliciano Henriques
???metadata.dc.contributor.referee2???: Marinho-Araujo, Claisy Maria
???metadata.dc.contributor.referee3???: Souza, Vera Lúcia Trevisan de
???metadata.dc.contributor.referee4???: Bernardo, Márcia Hespanhol
???metadata.dc.description.resumo???: Este trabalho teve como objetivo investigar a supervisão de Estágio em Psicologia Escolar com base nas contribuições teóricas da psicologia crítica de referencial marxista. A pesquisa foi desenvolvida mediante a interlocução com supervisores da Região Metropolitana de Campinas (SP), tendo como fonte principal o relato que fazem de sua própria prática. Nessa interlocução buscou-se esclarecer estes aspectos: a) o papel dos supervisores de estágio na formação de psicólogos críticos; b) a efetividade das práticas dos profissionais na realidade concreta da região onde se localizam os cursos nos quais os estágios são supervisionados. A fundamentação teórica estruturou-se em três eixos epistêmicos: 1º) impacto do sistema capitalista na construção da psicologia como ciência; 2º) criação dos cursos de psicologia no Brasil desde os primórdios da regulamentação da profissão até a instituição da Lei de Diretrizes Curriculares Nacionais; 3º) a constituição da área específica de psicologia escolar, por meio do processo de formação do psicólogo nos estágios curriculares e o papel das instituições político acadêmicas nesse processo. A metodologia seguiu a pesquisa documental sobre a história da regulamentação da supervisão no Brasil e por entrevistas semiestruturadas com supervisores de estágio de graduação em Psicologia da Região Metropolitana de Campinas. Os dados foram agrupados em três conjuntos: 1) características do supervisor (que enfatiza a importância da trajetória pessoal e profissional como fundamentais para a construção do papel de supervisor); 2) relação com o contexto de trabalho (que diz respeito ao conhecimento da estrutura curricular e à relação com a forma como o supervisor organiza as atividades de campo e supervisão); 3) possibilidades para a formação do psicólogo (que destaca o potencial da área para a compreensão sobre a realidade e a intervenção dentro dela). Os resultados sugerem que o supervisor de estágio da área da psicologia escolar pode contribuir para a formação de psicólogos críticos desde que esteja aliado a outros profissionais de áreas capazes de colaborar para essa formação, tais como a psicologia social, comunitária e do trabalho, além de outros profissionais de outros campos do saber como a educação, a saúde, a assistência social, dentre os principais. Os resultados também apontam o fato de que não é apenas o perfil do supervisor que determina a qualidade da supervisão, uma vez que esta é atravessada por questões igualmente complexas, a exemplo da legislação nacional para a educação, das políticas de expansão dos cursos universitários e das práticas de cursos noturnos; assim como da carga horária de trabalho e das condições concretas de exercício profissional.
Abstract: This work s purpose was to investigate the supervised internship in School Psychology from the theoretical contributions of the Critical Psychology of Marxist perspective. The research was developed through the dialogue with the internship supervisors in School Psychology from the Metropolitan Region of Campinas, having as the main source a report they make from their own practice. In this dialogue, the following aspects were clarified: a) the internship supervisors' role on the formation of the critical psychologists; b) the effectiveness of the professional practices in the concrete reality of the region, where the supervised internship programs are located. The theoretical foundation was framed in three epistemic axis: I) the impact of the capitalist system on the construction of Psychology as a science; II) the creation of Psychology majors in Brazil, from the beginning of the profession regulation, to the institution of the Law of National Curriculum Guidelines; and III) the constitution of the specific area of School Psychology, through the psychologist training process within the curricular internships, and the role of the political-academic institutions in this process. The methodology was based on documentary research of the history of the supervision regulation in Brazil and on interviews with internship supervisors of undergraduate courses in Psychology of the Metropolitan Region of Campinas. The data was gathered in three groups, described as follows: characteristics of the supervisor (which emphasizes the importance of personal and professional trajectory as essential for the development of the supervisor's role); relationship with the work context (which refers to the knowledge of the curriculum structure, and to the way in which the supervisor organizes field activities and supervision); and the possibilities to the psychologist's formation (that highlights the area's potential for understanding and intervening in the reality). The results suggest that the internship supervisor in the School Psychology field has the potential to foster critical psychologists, as long as he is allied with other professionals in areas that can contribute to professional formation such as Social, Community, and Work Psychology, as well as professionals in other related fields such as Education, Health and Social Working. The results also point to the fact that the profile of the supervisor is not the only factor that determines the quality of supervision, since it is crossed by equally complex issues such as, national legislation for education, the policies of expanding courses, the practices of night courses, the issue of workload, and specific conditions for working.
Keywords: psicologia crítica
formação do psicólogo
psicologia escolar/educacional
supervisão de estágio em psicologia
critical psychology
psychologist formation
educational/school psychology
supervised internship in psychology
???metadata.dc.subject.cnpq???: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::PSICOLOGIA
Language: por
???metadata.dc.publisher.country???: BR
Publisher: Pontifícia Universidade Católica de Campinas
???metadata.dc.publisher.initials???: PUC-Campinas
???metadata.dc.publisher.department???: CCV – Centro de Ciências da Vida
???metadata.dc.publisher.program???: Programa de Pós-Graduação em Psicologia
Citation: SILVA NETO, Walter Mariano de Faria. Supervisão de estágio em psicologia escolar: contribuições da Psicologia Crítica à formação e à prática do supervisor. 2014. 182 f. Tese (Doutorado em Psicologia) - Pontifícia Universidade Católica de Campinas, Campinas, 2014.
???metadata.dc.rights???: Acesso Aberto
URI: http://tede.bibliotecadigital.puc-campinas.edu.br:8080/jspui/handle/tede/460
Issue Date: 11-Feb-2014
Appears in Collections:Programa de Pós-Graduação em Psicologia - Doutorado

Files in This Item:
File SizeFormat 
Walter Mariano de Faria Silva Neto.pdf957.82 kBAdobe PDFDownload/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.