???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede.bibliotecadigital.puc-campinas.edu.br:8080/jspui/handle/tede/72
???metadata.dc.type???: Dissertação
Title: A apropriação e percepção de um rio urbano: o caso do ribeirão Jacaré de Itatiba (SP)
???metadata.dc.creator???: Franco, Gustavo Cosenza de Almeida 
???metadata.dc.contributor.advisor1???: Bueno, Laura Machado de Mello
???metadata.dc.contributor.referee1???: Turra, Juleusa Maria Theodoro
???metadata.dc.contributor.referee2???: Boucinhas, Caio
???metadata.dc.description.resumo???: Essa pesquisa teve como objetivo principal identificar a percepção e a apropriação das pessoas em relação aos rios urbanos. O objeto desse estudo foi o ribeirão Jacaré, que nasce e deságua na cidade de Itatiba (SP). Com o auxílio de um roteiro e de critérios pré estabelecidos, foram realizadas entrevistas com os diferentes segmentos da sociedade sociedade civil organizada (ONG JAPPA), poder público municipal (prefeito), órgãos gestores da água em âmbito regional (Comitê e Consórcio de bacias), e, cidadãos comuns que se familiarizam com o rio. A nossa interpretação das entrevistas permitiu identificar os sentimentos coletivos das pessoas em relação ao ribeirão Jacaré, tanto no campo físico (paisagístico e ambiental) como no campo simbólico (sentimental e afetivo). A definição de um rio urbano e seus aspectos característicos também aparece nesse trabalho. Procurou-se evidenciar a relação entre rio (água e margem) e a população diante das mudanças ocorridas a partir do primeiro quarto do século XX. Observouse que um espaço que antes se designava para o lazer e convívio social se transformou em um espaço pouco utilizado e com um grau de urbanidade quase nulo. O que se pôde perceber com o embasamento teórico e com as entrevistas é que as complexidades da dinâmica morfológica do ambiente das cidades refletem nas mudanças de valores da sociedade que usufruía e convivia nesses espaços. O rio limpo e com disponibilidade de acesso às suas margens propiciava atividades que hoje se tornam inviáveis, não só pelo pouco espaço para o convívio e encontro social, mas também pela má qualidade desses espaços (tanto das águas quanto das margens). Esse estudo procurou compreender a complexidade das relações existentes no âmbito da água no meio urbano, o que envolve aspectos de acessibilidade, apropriação e uma grande faculdade no campo subjetivo. Perceber essas relações, identificar nas pessoas o sentimento de pertencimento de um bem natural e a mudança de valores que ocorreram contribuem para uma melhor compreensão sobre o cenário atual da interação do ribeirão Jacaré na cidade e as perspectivas futuras dessa relação.
Abstract: This dissertation has as the main objective identify the people s perception and appropriation in relation with the urban rivers. The object of this study is the Jacaré brook, which is born and flows into the city named Itatiba (SP). With the help of a schedule and pre established standards, interviews were done with different segments of society organized civil society (ONG JAPPA), the municipal public power (mayor), regional water administration institutions (Committee and Consortium of basins), and common citizens which are familiar with the river. Our interviews interpretations allowed us identify the people s collective feelings about the Jacaré brook in the material area (landscape and environment) such as in the symbolic area (sentimental and affective). The definition of an urban river and its characteristic aspects also appear in this work. It aims to evince the relation between the river (water and river bank) and the population in front of the changes since the first quarter of the twenty century. The space that before was designated to leisure and social conviviality became a space hardly used and an urban level almost zero. What was possible to realize with the theorist base and with the interviews is that the complexities of the morphological dynamic of the cities environment reflect in the changes of the society values that used to be in these spaces. The clean river and the accesses to its bank propitiated activities that today are not possible, not only because of the conviviality space and social meeting, but also because the bad quality of these spaces (water and river banks). This study intended to understand the complexity of the relations in the water and urban environment areas, which embraces aspects of accesses, appropriation and a great faculty in the subjective area. Realize these relations, identify in people the feeling of belonging to a natural good and the values change that occurred contribute to a better understanding about the present scenery that embrace Jacaré brook and the futures perspectives of this relation.
Keywords: bacias hidrográficas
gestão urbana
áreas de preservação permanente
urbanidade
recursos hídricos
rios urbanos
água no meio urbano
river basins
urban administration
permanent preservation areas
urbanity
water resources
urban rivers
water in urban environment
???metadata.dc.subject.cnpq???: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::ARQUITETURA E URBANISMO
Language: por
???metadata.dc.publisher.country???: BR
Publisher: Pontifícia Universidade Católica de Campinas
???metadata.dc.publisher.initials???: PUC-Campinas
???metadata.dc.publisher.department???: CEATEC – Centro de Ciências Exatas, Ambientais e de Tecnologias
???metadata.dc.publisher.program???: Programa de Pós-Graduação em Arquitetura e Urbanismo
Citation: FRANCO, Gustavo Cosenza de Almeida. A apropriação e percepção de um rio urbano: o caso do ribeirão Jacaré de Itatiba (SP). 2009. 195 p. Dissertação (Mestrado em Urbanismo) - Pontifícia Universidade Católica de Campinas, Campinas, 2009.
???metadata.dc.rights???: Acesso Aberto
URI: http://tede.bibliotecadigital.puc-campinas.edu.br:8080/jspui/handle/tede/72
Issue Date: 16-Feb-2009
Appears in Collections:Programa de Pós-Graduação em Arquitetura e Urbanismo - Mestrado

Files in This Item:
File SizeFormat 
Gustavo Cosenza de Almeida Franco.pdf18.49 MBAdobe PDFDownload/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.