???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede.bibliotecadigital.puc-campinas.edu.br:8080/jspui/handle/tede/815
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.creatorAguiar, Francisco Lopes dept_BR
dc.creator.Latteshttp://lattes.cnpq.br/6798561741900580por
dc.contributor.advisor1Tálamo, Maria de Fátima Gonçalves Moreirapt_BR
dc.contributor.advisor1Latteshttp://lattes.cnpq.br/6110614407789789por
dc.contributor.referee1Smit, Johanna Wilhelminapt_BR
dc.contributor.referee1Latteshttp://lattes.cnpq.br/4543503393775701por
dc.contributor.referee2Bazi, Rogério Eduardo Rodriguespt_BR
dc.contributor.referee2Latteshttp://lattes.cnpq.br/1751762622735503por
dc.date.accessioned2016-04-04T18:36:38Z-
dc.date.available2008-08-11pt_BR
dc.date.issued2008-02-14pt_BR
dc.identifier.citationAGUIAR, Francisco Lopes de. O controle de vocabulário como dispositivo para a organização e tratamento e recuperação da informação arquivística. 2008. 267 p. Dissertação (Mestrado em Ciência da Informação) - Pontifícia Universidade Católica de Campinas, Campinas, 2008.por
dc.identifier.urihttp://tede.bibliotecadigital.puc-campinas.edu.br:8080/jspui/handle/tede/815-
dc.description.resumoObjetiva compreender as especificidades teórico-conceituais e metodológicas que compõem a elaboração de controle de vocabulário (processo documentário) e o vocabulário controlado (produto documentário) sob a ótica da Arquivística. Numa abordagem exploratória e de natureza qualitativa procura revisitar, a partir do diálogo com a Ciência da Informação, especificamente com a área Organização e Tratamento da Informação com a finalidade de apreender os principais postulados teórico-conceituais e metodológicos para subsidiar a construção desse processo. Apresenta panorama evolutivo do pensar e do fazer arquivístico, visando compreender o movimento histórico-social da área, tece breve sistematização, assinalando algumas diferenças e similaridades institucionais entre: Arquivos, Bibliotecas e Centros de Documentação. Também é apresentado as principais contribuições do Movimento da Documentação na des(construção) de paradigmas e seu impacto nas práticas de organização e tratamento da informação. Revisita a evolução conceitual da tríade: arquivo, documento e informação desde o paradigma custodial ao pós-custodial, além de demarcar conceitualmente as especificidades da informação arquivística. Enfatiza a necessidade de se compreender as instituições arquivísticas enquanto sistemas de informação diante da perspectiva informacional imposta pelo contexto da pós-modernidade, com destaque para as implicações teórico-conceituais relacionadas com os processos de representação e recuperação de conteúdos documentais, procurando delimitar conceitualmente os elementos: documento, dado, informação e conhecimento como objetos de gestão dos sistemas de recuperação da informação. Aborda o arcabouço teórico-conceitual concernentes aos processos de organização, representação e recuperação da informação arquivística. Tece algumas considerações em torno da legitimidade do assunto/tema como ponto de acesso nos arquivos permanentes. Apresenta uma breve contribuição da Teoria da Terminologia Geral para subsidiar no processo de controle de vocabulário, além de sistematizar um breve percurso histórico e teóricoconceitual do vocabulário controlado (produto documentário). E por fim apresenta proposições em busca de uma metodologia para o desenvolvimento de vocabulários controlados no âmbito da Arquivística. Conclui-se que o controle de vocabulário e o vocabulário controlado contemplam recursos e dispositivos metodológicos para subsidiar a organização e tratamento da informação. arquivística.por
dc.description.abstractThe objective is to understand the theoretical-conceptual and methodologies particularities that compose the vocabulary control elaboration (documentary process) and the controlled vocabulary (documentary product) under the archivist view. In a close-search approach of quality nature tries to review, from the dialogue with the Information Science, particularly with the Organization and Information Treatment area, with the purpose of learning the main postulates theoretical-conceptual and methodologies to assist the construction of this process. Shows evolutive stage of thinking and archivist making, aiming at understanding the social-historical movement of its area, schemes a brief systematization distinguishing some differences and institutional similarities among: Archives, Libraries and Documentation Cores. It is also shown the chief contributions of Documentation Movement in the deconstruction of paradigms and its impact in the organization practices and information treatment. Reviews the concept evolution of triad: Archive, document and information since custodial paradigm to post-custodial, moreover delimits reputably the particularities of archivist information. Emphasizes the need to understand the archivist institutions as to information system in the informational perspective imposed by the context of post-modernity, with eminence to theoretic-concepts implications related to representation process and recovery of documental contents trying to delimit reputably the elements: documents, data, information and knowledge as a matter of management in the recovery information system. Approaches the framework theoreticalconceptual concerning to organization process, representation and recovery of archivist information. Schemes some considerations as for the legitimate of subject/theme, as access point to permanent files. Shows a brief contribution to General Terminology Theory, in order to, contribute to the vocabulary control process, Moreover, systemize a short historic and theoretical-conceptual course of controlled vocabulary (documentary product). At last, presents prepositions in search for a methodology to the development of Controlled vocabularies in the archivist scope. It follows that the control of vocabulary and the controlled vocabulary contemplate recourses and methodological devices to assist the organization and treatment of archivist information.eng
dc.description.provenanceMade available in DSpace on 2016-04-04T18:36:38Z (GMT). No. of bitstreams: 1 FRANCISCO LOPES DE AGUIAR.pdf: 964649 bytes, checksum: bd7a7ef9df7a5159678e74ad5dc86eca (MD5) Previous issue date: 2008-02-14eng
dc.formatapplication/pdfpor
dc.languageporpor
dc.publisherPontifícia Universidade Católica de Campinaspor
dc.publisher.departmentCCHSA – Centro de Ciências Humanas e Sociais Aplicadaspor
dc.publisher.countryBRpor
dc.publisher.initialsPUC-Campinaspor
dc.publisher.programPrograma de Pós-Graduação em Ciência da Informaçãopor
dc.rightsAcesso Abertopor
dc.subjecttesauro funcionalpor
dc.subjectcontrole de vocabuláriopor
dc.subjectvocabulário controladopor
dc.subjectarquivísticapor
dc.subjectciência da informaçãopor
dc.subjectorganização e tratamento da informaçãopor
dc.subjectfunctional thesauruseng
dc.subjectscience archivaleng
dc.subjectscience informationeng
dc.subjectcontrol vocabularyeng
dc.subjectcontrolled vocabularyeng
dc.subjectorganization and information treatment archivisticaleng
dc.subject.cnpqCNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::CIENCIA DA INFORMACAOpor
dc.titleO controle de vocabulário como dispositivo para a organização e tratamento e recuperação da informação arquivísticapor
dc.title.alternativeThe control of vocabulary as a device for methodological organization, processing and sorting information arquivísticaleng
dc.typeDissertaçãopor
Appears in Collections:Programa de Pós-Graduação em Ciência da Informação - Mestrado

Files in This Item:
File SizeFormat 
FRANCISCO LOPES DE AGUIAR.pdf942.04 kBAdobe PDFDownload/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.