???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: http://tede.bibliotecadigital.puc-campinas.edu.br:8080/jspui/handle/tede/936
???metadata.dc.type???: Tese
Title: Lógica de organização territorial Guarani e as sobreposições produzidas pelos processos de urbanização
???metadata.dc.creator???: Araújo, Adelita de Souza 
???metadata.dc.contributor.advisor1???: Ferreira, Jane Victal
First advisor-co: Bel, Joaquín Sabaté
???metadata.dc.contributor.referee1???: Turra, Juleusa Maria Theodoro
???metadata.dc.contributor.referee2???: Pereira, Renata Baesso
???metadata.dc.contributor.referee3???: Ferrão, André Munhoz de Argollo
???metadata.dc.description.resumo???: Esta pesquisa busca demonstrar que a cultura Guarani possui uma lógica de organização territorial que alcança as escalas locais, regionais e macrorregionais. Para isso utiliza o arcabouço teórico do conceito de Paisagem Cultural, que impõem ao território a capacidade de oferecer ao homem os recursos que sustentam uma cultura. Com o objetivo de incorporar novas ideias e realidades, a tese recompõe a história, observando que mesmo antes da chegada do homem europeu os Guaranis já se estabeleciam de forma ordenada, com diversos fundamentos territoriais que permanecem até os dias de hoje. Na análise histórica e cartográfica, é possível constatar que os Guaranis foram historicamente submetidos a sucessivas sobreposições de lógicas territoriais, seja espanhola, jesuíta, pombalina, imperial ou republicana, alterando e impedindo sua organização, impondo novas formas de vida, sempre incompatíveis e intolerantes à sua cultura. Frente a ideias amplamente admitidas, esta pesquisa confirma que os Guaranis tem amplo conhecimento da lógica territorial, da agricultura e não são povos nômades ou migrantes, mas foram historicamente pressionados a encontrar novos territórios, com amplitude e complexidade ambiental apropriada, onde pudessem restabelecer sua organização a fim de recompor a sua cultura. Mesmo na atualidade, as ações de assentamento, integração e assistência social aos Guaranis, continuam a promover o mesmo binômio de sobreposição e migração, pois estão baseados na mesma política de substituição de valores, significados e modos de vida.
Abstract: This study aims at demonstrating that the Guaranian culture has its own logic of territorial organization on a local, regional and macro regional scale. In order to do so, this research is grounded in the concept of Cultural Landscape which imposes the potential to provide men with the resources that uphold a given culture to territory. With a view to integrating new ideas and realities, this dissertation traces history back and finds out that even before the European’s arrival, Guarani tribes had already settled down in an organized manner, with a number of territorial bases which remain up to present days. Historical and cartographical analyses reveal that Guarani tribes were successively subject to the superimposition of different means of territorial organization, whether Spanish, Jesuitical, Marquess of Pombal’s, imperial or republican, throughout history; thus hindering and subjecting their own organization to change, while imposing new ways of life which were always incompatible and intolerant to their culture. By identifying such superimpositions, we are able to advocate that the Guarani are neither culturally nomad nor migrating tribes, but have been historically forced to find new wide territories of appropriate environmental complexity where they could restore their own organization and, as a result, their own culture. At present, policies on settlement, integration and social welfare towards the Guarani go on promoting the same binomial superimposition-migration, as they are based on the same principles of replacing values, meanings and ways of life.
Keywords: Guarani; Paisagem Cultural; História da urbanização; Migração e Aculturação
Guarani; Cultural Landscape; Territorial Organization; Migration and Acculturation
???metadata.dc.subject.cnpq???: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::ARQUITETURA E URBANISMO::PROJETO DE ARQUITETUTA E URBANISMO::PLANEJAMENTO E PROJETO DO ESPACO URBANO
Language: por
???metadata.dc.publisher.country???: Brasil
Publisher: Pontifícia Universidade Católica de Campinas
???metadata.dc.publisher.initials???: PUC-Campinas
???metadata.dc.publisher.department???: CEATEC – Centro de Ciências Exatas, Ambientais e de Tecnologias
???metadata.dc.publisher.program???: Programa de Pós-Graduação em Arquitetura e Urbanismo
Citation: Araújo, Adelita de Souza. Lógica de organização territorial Guarani e as sobreposições produzidas pelos processos de urbanização. 2017. 266p. Tese( Programa de Pós-Graduação em Urbanismo) - Pontifícia Universidade Católica de Campinas, Campinas-SP.
???metadata.dc.rights???: Acesso Aberto
URI: http://tede.bibliotecadigital.puc-campinas.edu.br:8080/jspui/handle/tede/936
Issue Date: 13-Feb-2017
Appears in Collections:Programa de Pós-Graduação em Arquitetura e Urbanismo - Doutorado

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
ADELITA ARAUJO DE SOUZA.pdf230.98 MBAdobe PDFDownload/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.